Pesquisar este blog

domingo, 4 de maio de 2014

Da janela das lembranças...

Da janela das lembranças, abriu as feridas retirando as farpas agudas. Escondeu a saudade no outono!

Ydeo Oga