Pesquisar este blog

sábado, 7 de maio de 2011

As pétalas...

As pétalas sangram no canteiro e a tarde chora. O tempo passa e a vida é um sopro. O ninho está vazio!