Pesquisar este blog

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Naquela travessia...

Naquela travessia agarrava-se aos delírios e fantasias. Tremia. Acabara de sair do êxtase e caminhava para a loucura. A visão turva cambaleava, exibindo sinais de vertigem. E na solidão daquele quarto escuro, apenas um grito ecoava. Na ausência do nada, bebeu o branco. Apagou a vida e foi desenhar estrelas.

Ydeo Oga
6/7/2005 23:24