Pesquisar este blog

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Caminhando...

Caminhando no alvorecer sereno naquela enseada, entre a areia e o tempo, procuro teus passos. Fragmentos. A face do dia veste-se de saudades, enquanto a melodia do vento fala de ti. Uma lágrima rola solitária, e mergulha nas lembranças. Da janela do meu olhar vejo o mar, as gaivotas e sinto a maresia. Mas não vejo a outra parte de mim, que quer encontrar-te. Sobram pedaços e algumas conchinhas. Naufrago na ausência de ti.

Ydeo Oga
15/11/2005 20:08