Pesquisar este blog

terça-feira, 5 de março de 2013

A cidade está calada...


A cidade está calada
Nesta manhã entorpecida
Que caminha apressada

Enlouquecido tempo
Traz vestígios brancos
Que sangram silêncios...
Não tem pressa de ficar!